Embora os sintomas costumem variar de pessoa pra pessoa, pra quem deseja muito um bebê os sintomas da gravidez podem ser um convite para uma festa acontecendo no próprio corpo. Além disso, é comum que a desconfiança só surja depois do atraso da menstruação, e é possível que quem esteja mais antenado com o próprio corpo perceba mudanças sutis. Hoje falaremos sobre os primeiros sintomas de gravidez.

Primeiros Sintomas de Gravidez
Primeiros Sintomas de Gravidez

Quais o Primeiros Sintomas de Gravidez?

Mudança nos seios – Mamas inchadas ou doloridas, sensíveis ao toque, com auréolas mais escuras, podem ser sinal de uma gravidez. É um sintoma comum nas primeiras semanas após a concepção.

Náusea e enjôo – Presentes principalmente durante a manhã, ocorrem principalmente por causa da elevação do hormônio beta HCG. Ele estimula o centro de vômito, atingindo seu pico lá pela décima semana de gestação. Pode aparecer a partir da segunda semana de gestação.

 

Sintomas de gravidez nauseas
Um dos primeiros e principais sintomas certamente e a presença de náuseas e enjôos, motivo até de trocadilhos quando uma pessoa começa ter náuseas e a mesma e questionada se está gravida.

Sonolência e fadiga – A elevação da progesterona e do beta HCG, além de uma possível queda na pressão arterial, faz com que gestantes sintam cansaço excessivo.

Vontade constante de urinar – De seis a oito semanas após a concepção, o hormônio beta HCG estimula a bexiga, o que faz com que você sempre esteja com vontade de fazer xixi.

“Desejos de grávida” – Na verdade, há a chamada perversão olfativa e gustativa, devido ao aumento das mucosas da boca e nariz por ação hormonal. Isso pode tanto fazer com que se goste de coisas que não se tolera, quanto detestar coisas que antes gostava. Além disso, faz com que grávidas tenham aversão a cheiros fortes.

Sintomas de Gravidez Desejos de Grávida
Desejos por comidas diferentes e as vezes até mesmo estranhas também e um dos sintomas.

Prisão de ventre – A progesterona causa afrouxamento dos músculos lisos, como os do trato gastrointestinal, como os intestinos, que ficam com dificuldade em se contraírem, dificultando o trânsito intestinal. Isso ocorre para que preparar o corpo para a grande expansão do útero.

Sangramentos vaginais – Pequenos sangramentos vaginais são característicos do começo da gravidez. Isso ocorre porque há a nidação, ou seja, implantação do embrião na parede do endométrio, que fica revestida de pequenos vasos sanguíneos para sustentar a gravidez. Alguns vasinhos podem ser rompidos, e o sangramento é ocasionado. Esse sangramento pode vir na forma de um corrimento cor de rosa, que é o corrimento normal, mas com vestígios de sangue da nidação.

Cólicas ou dor abdominal – Isso acontece tanto por conta da nidação, citada acima, quanto por conta da grande movimentação gerada na pelve, além de pequenas contrações uterinas que estão preparando o útero para o momento do parto. Isso também pode ocasionar em inchaço abdominal.

Aumento dos gases – Esse é um sintoma embaraçoso que pode ser enfrentado nas primeiras semanas de gravidez. Por conta do afrouxamento do intestino,

Tonturas – Por conta das alterações hormonais no organismo da mulher, podem ser causadas condições que favorecem tonturas, como queda da pressão arterial, redução dos níveis de açúcar no sangue, anemia, aumento da frequência respiratória ou alimentação insuficiente devido aos enjoos.

Tontura na gravidez
Nessa fase os hormônios estão bastante alterados por isso pode ser normal sentir tonturas ao decorrer do seu dia.

Acne – É culpa das alterações hormonais, que podem gerar surgimento ou agravamento da acne que já existia antes. A acne está relacionada à aumento da oleosidade na pele causada por desequilíbrios hormonais.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

NO COMMENTS

Leave a Reply