Menstruação Escura ou Marrom e normal?

A menstruação é um evento frequente, e dependendo da duração de seu ciclo, pode aparecer de mês em mês. Entretanto, a mudança da cor e consistência da menstruação é motivo pra levantar suspeitas, já que isso pode significar que algum problema está acontecendo com seu corpo. Nesse artigo, abordaremos as causas e tratamentos da menstruação escura, conhecida como “borra de café”.

Menstruação escura

Menstruação escura também conhecida como borra de café, pode acontecer em diversas ocasiões.

Menstruação escura é normal?

Em alguns casos esse fenômeno é perfeitamente normal, por exemplo:

Quando há troca do anticoncepcional – É a causa mais leve e não oferece riscos. Acontece pois o organismo ainda não está acostumado ao medicamento, podendo haver queda nos níveis de progesterona.

Caso a pílula do dia seguinte tenha sido utilizada recentemente – Isso acontece porque o comprimido contém uma alta carga hormonal, que causa desequilíbrios trazendo a menstruação escurecida.

Menstruação borra de café

A pílula do dia seguinte pode causar a menstruação borra de café, por causar uma alta carga hormonal.

A menstruação vem escura no início ou fim de ciclos menstruais irregulares – É normal a menstruação ter diferentes consistências e cores durante o ciclo. Ela costuma começar mais escura e ficar vermelho vivo no meio do ciclo.

Outras causas

DSTs – Diversas doenças sexualmente transmissíveis podem causar esse sintoma, geralmente associado à menstruação com odor desagradável. O ideal é procurar um médico especialista nesse caso, já que quanto mais cedo for feito o diagnóstico, maior a possibilidade de cura em alguns casos.

Gravidez – Escurecida e em pequena quantidade, o sangramento nesse caso não exatamente menstruação. Quando o útero se prepara para receber um embrião, há um engrossamento do endométrio e ele fica coberto de pequenos vasos sanguíneos, de modo a nutrir o futuro bebê. Quando o óvulo é fecundado nas trompas e desce para o útero, ele se implanta na parede do útero, podendo causar rompimento de alguns desses vasinhos, causando sangramento. Para descobrir se é uma gravidez realmente, procure seu ginecologista que pedirá um exame de gravidez.

Endometriose – Extremamente comum, acredita-se que 9 em cada 10 brasileiras tenham endometriose. Ela é um processo inflamatório causado pelas células do endométrio, parede interna do útero, que acabam indo parar em algum lugar diferente do corpo. Essa doença pode trazer dor crônica, infertilidade e precisa ser examinada e tratada de modo específico.

Inflamação uterina – Inflamações do útero podem acontecer por diversos fatores, o que pode justificar a menstruação marrom. Geralmente existem outros sintomas para o diagnóstico desse problema, que devem ser observados e relatados ao ginecologista. Esa é uma condição que exige atenção e a procura imediata de um médico.

Miomatose – A miomatose é uma condição que pode aparecer até a menopausa, quando começa a ser menos comum. Nela, aparecem nódulos benignos no útero, raramente se desenvolvendo em tumores malignos. Muito comum, ela é diagnosticada através de um simples ultrassom, recomendado em caso de suspeitas que você tenha essa doença.

E o que fazer nesses casos?

Menstruação escura o que fazer?

E agora o que fazer?

O mais indicado é visitar regulamente o médico ginecologista e informá-lo se há alguma mudança em seu ciclo menstrual. O médico poderá pedir exames como ultrassons, hemogramas, exames de urina, tudo para garantir um diagnóstico e tratamento que te darão tranquilidade sobre essa mudança em seu ciclo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *