Embora a gravidez seja um acontecimento maravilhoso e sonho de muitas mulheres, em alguns momentos ela pode trazer sensações desagradáveis para a gestante. Uma delas é a azia, muito frequente a partir da segunda metade da gravidez. Nesse artigo, falaremos um pouco das causas e de como evitar esse desagradável sintoma da gravidez.

O que é Azia?

A azia na gravidez é caracterizada por uma sensação de queimação na área do tórax, atrás do estômago, partindo da boca do estômago e indo até a garganta. O gosto ácido na boca também é bastante característico.

Azia na Gravidez
Um dos sintomas mais indesejáveis e a azia na gravidez, felizmente existem medidas que podem ser tomadas para evitar tal desconforto!

Quais as causas da Azia na Gravidez?

Durante a gravidez, o corpo da mulher secreta alguns hormônios diferentes para preparar-se para a chegada e acomodação do corpo do bebê. Um desses hormônios é a progesterona, que causa um relaxamento nos músculos lisos, como é o caso dos músculos do trato gastrointestinal. Assim, a válvula entre o esôfago e o estômago acaba por ficar parcialmente aberta. Como, também por causa da progesterona, o estômago passa a diminuir o ritmo de suas contrações, a digestão fica mais lenta, fazendo com que ácido fique acumulado. Assim, esses dois fatores em conjunto favorecem com que o ácido acabe por retornar pelo esôfago, causando a desagradável queimação. Além disso, no fim da gravidez a cavidade abdominal fica apertada por conta do crescimento do bebê, o que torna a eliminação dos ácidos do estômago ainda mais lenta. Esse é um sintoma comum e inofensivo, embora desconfortável.

Há tratamento?

Há várias práticas que podem ser feitas pela gestante de modo a amenizar ou diminuir drasticamente a azia, embora ela só deixe de acontecer de vez mesmo depois que o bebê nasce. Entretanto, não é preciso desistir de vez, já que ainda se pode fazer algo:

Azia na Gestação
A azia durante a gestação tem tratamento, por isso não se desespere e siga as dicas abaixo.
  • Evite pratos pesados, gordurosos, chocolate, frutas cítricas, bebidas alcoólicas e café. Isso aumenta a acidez do estômago. (Confira mais sobre dieta para gestantes!)
  • Não ingira líquidos durante as refeições para evitar a distensão excessiva do estômago.
  • Prefira fazer refeições várias vezes por dia e em pequenas quantidades. Isso faz com que seu estômago faça a digestão mais rápido e evita o aparecimento da azia.
  • Não coma logo antes de dormir, ou deite-se após as refeições. A posição deitada favorece o retorno do ácido pelo esôfago.
  • Quando for dormir, use vários travesseiros ou um travesseiro especializado de forma a dormir numa posição semi-sentada, elevando a cabeça. Isso favorecerá a digestão e evitará a azia.
  • Mastigue todos os alimentos por algum tempo e muito bem, para tornar sua digestão mais fácil.
  • Não use roupas apertadas, principalmente se elas são mais juntas na região do estômago. (Confira mais sobre roupas para gestantes!)
  • A maçã sem a casca ajuda a combater o desconforto e ardor causados pelo ácido. Se comê-la logo que começar a sentir os sintomas da azia, a tendência é que a maçã empurre os ácidos de volta para o estômago.

E se persistir?

Quando, mesmo assim, a azia continua, deve-se comunicar ao médico obstetra. Ele te receitará um antiácido que deve resolver o problema e que ao mesmo tempo não prejudique o bebê.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

NO COMMENTS

Leave a Reply