Absorvente Pós Parto

Finalmente você deu a luz ao tão esperado bebê! Enfrentou os sintomas negativos da gravidez, venceu todos eles, passou pelo parto e agora é hora de voltar pra casa com seu prêmio nos braços. Mas será que é tão simples assim? No pós parto, seu organismo precisa se acostumar à nova situação – agora, a de não ter um pequeno ser humano crescendo dentro de você e sendo abrigado e nutrido pelo seu corpo. Uma das coisas pouco faladas sobre a gravidez é que, nos dias que seguem o pós parto, é normal ter um intenso fluxo de sangramento vaginal e é preciso tomar as medidas adequadas para contê-lo.

Absorvente pós parto

Preparar-se para o parto e muito importante, porém também e importante pensar no pós parto e uma das coisas que deve ser levado para a maternidade e o absorvente pós parto.

O que é esse sangramento do pós parto?

Chamado pelos médicos de lóquio ou lóquios, esse sangramento na verdade se trata do útero se livrando da decídua – um anexo embrionário que parte do endométrio e envolve o óvulo desde a implantação dele no útero. Além da decídua, o lóquio está levando embora tudo o que restou no útero após o nascimento do bebê: bactérias, células epiteliais, etc.

Nos primeiros dias ele se caracteriza pela cor vermelho viva, sendo acompanhado de alguns coágulos sólidos. Depois, se torna mais marrom rosado, já que o sangue está sofrendo oxidação e a hemoglobina fica degradada. Depois de uns dez dias, fica amarelado ou incolor. Costuma durar de 21 dias a dois meses, e acontece paralelamente à recuperação e diminuição do útero.

Quem amamenta produz ocitocina no hipotálamo, o hormônio responsável pelas contrações uterinas e que faz com que o útero se recupere mais rapidamente. Se o lóquio tiver cheiro forte ou você tiver algum sintoma de infecção, como dor ou ardência nos genitais, procure um médico.

Absorvente pós parto para lidar com o lóquio?

Já na lista de artigos necessários para o hospital depois do nascimento, deve estar um ou dois pacotes de absorventes pós parto. Eles são bem maiores que os absorventes comuns e são capazes de contem o fluxo intenso que você terá, pelo menos nos primeiros dias. Os hospitais costumam oferecer absorventes desse tipo, mas muitas mães reclamam da peça ser desconfortável. Se preferir, pode usar absorventes noturnos.

Os absorventes devem ser trocados a cada duas horas, e água pode ser usada para limpar a região. Banhos de assento com água morna são ideais. Quem realizou uma cesárea não pode ficar levantando-se da cama muitas vezes, então deve preferir o absorvente pós parto tradicional.

Na hora de comprar o absorvente, deixe dois pacotes em casa e leve um com você. Prefira não comprar muito, já que o fluxo varia de pessoa para pessoa e exagerar nas compras será jogar dinheiro fora. Quando for para o hospital, certifique-se de levar roupa de baixo confortável, que não incomodará e ainda dará uma boa sustentação. Prefira calcinhas altas, e leve mais do que o previsto – acidentes podem acontecer. Para as trocas constantes, prefira vestir camisolas.

Fique de olho na intensidade do fluxo, que deve começar intensa e ir diminuindo aos poucos. Se ele tiver novos aumentos, converse com seu médico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *